25 de Novembro de 2015

Polêmica na primeira sessão do mês de novembro

Executivo retitou o Projeto de Lei de Nº 76, que autorizava a OS para educação em Rio Verde

Assunto polêmico chamou atenção da classe de professores do município que compareceram em peso, na primeira sessão do mês de novembro.

Trata-se da entrada do Projeto de Lei 76/2015, que dispõe sobre o programa de parceria com Organização Sociais (OSs), que são entidades sem fins lucrativos que recebem recursos do estado para administrar um determinado órgão público com Rio Verde, isto é com a aprovação do projeto o município irá terceirizar as escolas públicas.

Preocupado com as mudanças e a fim de esperar por resultados satisfatórios, o Executivo na manhã desta segunda-feira, 23, enviou um ofício retirando o Projeto de Lei de Nº 76 que autorizava a OS para educação em Rio Verde.

A vereadora Lúcia Batista (PT), destacou que a OS muda para pior a educação de Rio Verde, e que a retirada do projeto foi mérito dos professores: “se não fosse à organização e a luta dos professores a educação do nosso município seria terceirizada. Pois o que queremos é uma escola pública de qualidade, e se Rio Verde é referência nacional em educação, se deve a garra e persistência dos professores, porque a transformação e a mudança acontecem na escola, e a população agradece”.

O presidente Iran enalteceu o trabalho dos professores, e também dos parlamentares da Casa que se empenham cada dia mais para exercerem os seus mandatos com afinco, ouvindo as reivindicações e oportunizando melhorias na qualidade de vida da população. “Nunca negamos informações a ninguém. Aqui tem trabalho em conjunto, os 21 vereadores, que são pessoas do bem. Todos nós votamos a favor dos professores, pois toda pessoa que trabalha com educação, está ajudando a formar cidadãos que construirão a sociedade em que vivemos,” disse.

Finalizando o Presidente da Casa, Iran Cabral (PSD), convidou toda a população para a próxima Sessão Ordinária que acontecerá nessa terça-feira, 24, às 19 horas, no plenário do Palácio Iturival Nascimento.

Assessoria de Comunicação - Câmara Municipal de Rio Verde

Compartilhe / Comente

Notícias Relacionadas

« Voltar

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados

Rio Verde Agora