10 de Setembro de 2018

Embriaguez e excesso de velocidade preocupa PRF no feriado

Só em Goiás, foram registrados 4 óbitos, que se igualam ao número total das vítimas fatais registradas no ano de 2017

Resultados parciais deste feriado tem preocupado bastante a PRF, no que diz respeito à violência dos números de acidentes e multas gravíssimas. Só em Goiás, foram registrados 4 óbitos nos dois primeiros dias da operação, que se igualam ao número total das vítimas fatais registradas no ano de 2017. As principais causas tem sido em decorrência de violência e excesso de velocidade.

Duas ocorrências de motoristas alcoolizados foram feitas ontem (07). Em Rio Verde (BR-060), um homem fez o teste do bafômetro que indicou a marca recorde no feriadão até o momento, constatando 1,30 mg/l. No veículo foi encontrado pelos policiais uma embalagem contendo pinga de engenho.

Outros 15 condutores recusaram a fazer o teste do bafômetro, e outros 7 apresentaram índice abaixo de 0,30 mg/l, o que poderia acusar “crime de trânsito”, situação em que se encontrou as duas ocorrências acima.

A alta velocidade também foi um fato decorrente nesse feriado. O excesso é um fator agravante na ocorrência de acidentes graves e tem sido uma constante no trecho que liga a capital Goiânia à Rio Verde e Jataí, no sudoeste do estado. Vários veículos são autuados diariamente nesse percurso, onde a rodovia foi duplicada a poucos anos e, o que era pra gerar segurança e conforto aos usuários, é hoje um motivo de muita preocupação para a Polícia Rodoviária Federal.

Um total de 273 ao todo, três foram flagrados acima de 164 km/h. A infração é gravíssima, com fator multiplicador de 3 vezes, sendo um total de R$880,20 e o condutor pode ter sua CNH suspensa por até 01 ano.

Diário do Estado

Compartilhe / Comente

Notícias Relacionadas

« Voltar

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados

Rio Verde Agora